quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Matérias Sobre a Bienal do Livro de SJCampos


Depois de concluir os cursos de Gestão Cultural com Luciana Machado e Marketing Cultural com Tatiana Apolinário que realizei no primeiro semestre de 2010 na ASSAOC - Altino Bondesan, passei a me dedicar ao estudo dos direitos culturais.

Durante essa prática, em meados de agosto, descobri que na cidade de São José dos Campos existia uma lei de 2002 que instituía a Bienal do Livro de nossa cidade. Estranhei o fato, uma vez que desconhecia a realização de uma Bienal do Livro na cidade.

Pesquisei um pouco mais e consegui informações sobre a realização de uma única edição da Bienal do Livro de SJCampos. Sem entender porquê aquela lei havia sido engavetada, divulguei a lei em meu mailisting e descobri que nem mesmo os escritores da cidade e região tinham conhecimento sobre essa lei ou mesmo sobre a primeira e única edição do evento.

Diante do burburinho causado pela minha divulgação da existência e engavetamento dessa lei, fui chamado para uma reunião com o Diretor Cultural da FCCR. Convidei vários escritores para me acompanhar na mencionada reunião, dos quais obtive pouquíssimo retorno e apoio. Parti então em busca do respaldo dos artistas mais engajados em questão de política cultural, e obtive o apoio presencial apenas de Rodolpho Pinotti, Leonardo Barbosa, Caren Ruaro e Andre Ravasco.

Na reunião, entendendo que uma Bienal deve ser realizada pela gestora da cultura de nossa cidade, questionei a FCCR oficialmente, através do protocolo de uma Carta Aberta endereçada a seus Diretores. 

Depois de cerca de duas semanas fui novamente chamado na FCCR para retirar uma Carta Resposta ao meu protocolo. Coincidentemente quando estava me dirigindo para a FCCR, fui contato por um reporter do jornal O Vale, o qual queria mais informações sobre a reunião e se já havia uma resposta da FCCR. Essa ligação rendeu uma matéria de capa no Caderno Viver &, veiculada no dia 02 de outubro, na qual o Secretário de Educação comprometeu-se a realizar a Bienal do Livro no primeiro semestre de 2011.

Nessa última semana recebi um email encaminhada pela querida Kika Campos do Bola de Meia, informando que houve o lançamento oficial da Bienal do Livro de SJCampos a ser realizada entre os dias 8 a 17 de abril de 2011.

O que chama a atenção é que após 8 anos de esquecimento, a Bienal do Livro foi estruturada e organizada, inclusive mediante alteração de lei, durante apenas o mês de novembro.

A agência Produção em Cena tendo cumprido com seu compromisso em prol do desenvolvimento cultural, e em especial da Bienal do Livro de SJCampos, espera que este evento seja grandioso como a nossa cidade, não apenas pela presença dos grandes escritores que já estão confirmados para a edição de 2011, mas principalmente em função da presença dos escritores da cidade!

Lamento apenas que mesmo diante do reconhecimento de nossas ações para que a Bienal do Livro de SJCampos se tornasse realidade sequer fomos contatados para participar do lançamento oficial deste evento, fato este mencionado numa nova reportagem sobre o assunto, publicado no jornal O Vale no dia 16 de dezembro, de autoria de Fábio França.

Para ter acesso ao conteúdo da minha Carta Aberta, acesse:

Para ter acesso ao conteúdo da Carta Resposta da FCCR, acesse:

E, a seguir, disponibilizo as matérias relacionadas à Bienal do Livro de SJCampos, publicadas no jornal O Vale.




Nenhum comentário:

Postar um comentário