sexta-feira, 17 de junho de 2011

Feira do Bolinho Caipira começou na quinta-feira em Jacarei.



Além da iguaria, considerada patrimônio cultural da cidade, evento traz shows com violeiros e Trem da Viração  



A 3ª Feira do Bolinho Caipira de Jacareí – Patrimônio Cultural começou na quinta-feira (16) e vai até domingo 19 de junho, no Museu de Antropologia do Vale do Paraíba. Além das barracas com os três sabores de bolinho mais conhecidos na região - peixe, carne de porco e linguiça - e bebidas típicas como quentão e vinho quente, a feira traz exposições, debates e shows com a Associação dos Violeiros, Rincão Sertanejo, Rancho da Viola Branca, o sanfoneiro Zé Cupido e Trem da Viração.

As barracas estão a cargo de entidades assistenciais da cidade, que irão vender duas unidades do bolinho a R$ 1,00.
Patrimônio - O bolinho caipira tradicional de Jacareí tem como base uma receita simples: farinha de milho branca, água, sal, cheiro verde e óleo para fritar. O recheio pode variar conforme o gosto do freguês: peixe, carne de porco ou linguiça. Em mais de dois séculos de tradição na cidade, o bolinho caipira ganhou popularidade em festas juninas, sua fama se espalhou pelo Estado e, no ano passado, se tornou oficialmente patrimônio cultural de Jacareí.
Serviço: 3ª Feira do Bolinho Caipira -- de 16 a 19 de junho, das 14h às 22h, no Museu de  Antropologia do Vale do Paraíba -- rua XV de Novembro, 143, Centro. 
Entrada gratuita.

Programação
16/6 – Rincão Sertanejo, das 17h às 19h; Léo e Zé Cupido, das 20h às 22h 
17/6 – Associação dos Violeiros, das 17h às 19h; Déo Lopes “Contador de Canções”, das 20h às 22h 
18/6 – Rancho da Viola Branca, das 15h às 17h; Mutirão das Violas, das 17h às 19h; Lívio Macedo, das 20h às 22h
19/06 – Cantinho da Viola, das 15h às 17h; Ranchinho da Serra, das 17h às 19h; Trem da Viração, das 20h às 22h

Nenhum comentário:

Postar um comentário